2007-03-11

pressentimento

agora tudo acaba aqui
e não mais a tenra flor
no bico das aves frias
ou a dor nos álamos
correndo em março
segundo as profecias
e as velhas adivinhas.

agora ardes em capri
assim rumorosamente.

9 comentários:

duque disse...

Continua o fogo por aqui... Abraços...

konde disse...

Tem piada que estou a ler o Soldati com Capri. Abraço!!!!!!!!!

morffina disse...

Quem me dera!

Abraço
MF

duke disse...

Aqui sempre começa, nada acaba!!!!!!!!!!! Viva a poesia!

hfm disse...

Belo como Antony and the Johnsons de que muito gosto.

Anónimo disse...

sem rumor...



baixo....em pianíssimo. a ler.


quase como se soletrasse.


para melhor saboreAR.



beijo.


Martim.



imf

veritas disse...

Outras aves virão e nos seus bicos trarão as promessas sussurradas, espero-as...esperá-las-ei...apenas...

Bjs. Boa semana.

conde disse...

A beleza de um corpo ardendo? O rumor da escrita desfibrando o papel? Adorei!!!!!!!

porfirio disse...

hélas martim
.
.
.
e aqui
tudo
começa

aquele abraço