2005-12-23

iniciação à lucidez

desce de olhos abertos os degraus e encontra os estádios que quiseres. junto ao paraíso, no rodar do punho, eis o inferno: no núcleo da pedra morres de novo e subtilmente te cristalizas. e só agora ascendes ao alentejano diabo que te fita do frontão e te diz com vómitos de fogo que assim és porque da terra vieste, iniciado.

3 comentários:

Pinto Ribeiro disse...

Bom dia e bom Natal, Kamarada Martim. 1 abraço.

sonia r. disse...

Feliz Natal, Martim. Bjos.

Mendes Ferreira disse...

vim. da terra. vou. de cristal.


b.e.i.j.o.