2005-10-18

DA INTENÇÃO

Intentions de Oscar Wilde (first edition)

intento cada dia nova página saída do fundo das intenções. nada me move nem orgulho até.
apenas fio vascular do centro de mim. e emoções controladas pela influência pacificadora. assim o fogo da palavra. martim disse.

3 comentários:

Pinto Ribeiro disse...

assim queimassem. todas. as palavras.

porfirio disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
porfirio disse...

por vezes as palavras encravam-se na garganta, atravessam-na como estalactites. nalguns textos dorme-se com muito frio.
1 abraço martim